domingo, 7 de junho de 2009

Amigos de valor


Qual é o valor que você dá aos seus amigos? Até que ponto um grande amor pode te afastar dos amigos? Você concorda com a teoria de quem dá demasiado valor aos amigos é porque lhe falta um grande amor? Ou será que esses amigos não eram bons o bastante? Indagações de um final de sábado de agradável frescor gaúcho. Me sento na frente do computador para pensar sobre esses questionamentos tolos, mas, cabíveis. Qual é o valor dos meus amigos...

Hoje uma das minhas melhores amigas está de aniversário e infelizmente ela teve compromisso e não podemos “super comemorar”. Além dela não estar de bem com a comemoração da data. Outro motivo é que meu grande escudo, minha grande amiga, está se sentindo sozinha a milhas e milhas daqui. Lá em outro país. Mesmo sabendo que isso é fase e que ela precisa passar por isso, e que é melhor para ela, está estudando, terá um bom título, é difícil ver quem a gente ama longe e triste. E para fechar, recebi dois grandes amigos no meu apartamento. Tomamos vinho e conversamos até a madrugada.

Fico pensando nisso tudo. Nos meus grandes amigos, naqueles que se importam de verdade comigo, naqueles que eu me importo de verdade. Naqueles de perto e de longe, dos que há meses ou anos não falo e que mesmo assim sinto suas presenças. Daí volto a me indagar, será que tudo isso se dá por ser um cara sem um relacionamento estável, solteiro? Ou será o contrário, que por dar grande valor as minhas amizades tenho dificuldade em me relacionar com uma pessoa? Não sei, e nem quero descobrir isso agora. Apenas quero expressar aqui o quanto é bom ter e conviver com amigos. Seja no dia do seu aniversário frustrado, que seja dividido pelo oceano, que seja compartilhando da mesma bebida num dia de inverno. Não os trocaria por mais nada, não. Sou assim, amo os meus amigos. Mais do que um post sobre amizade, uma prova de amor. E falando em amor, na véspera da semana que comemora o dia dos namorados, já decidi, irei viajar no dia dos namorados e quero que meus amigos me mandem mensagens e me liguem. O motivo não sei bem, mas não quero me sentir só. Quero lembrar que amores e paixões vem e vão, agora amigos de verdade sempre estarão aonde eu precisar.

3 comentários:

ahh.. Quem sou eu?!! disse...

Ola Júlio, adoro seus posts, sempre que estou na net aproveito pra ler seus textos.
Uma das coisas que valorizo sao os amigos,na minha opinião, melhor que um amigo, só dois amigos e assim por diante, pode passar tudo,posso sofrer por amor,me apaixonar,casar ou acontecerem outras situações, mas ter os amigos de verdade não tem preço(quase rimou com o slogan da mastercard rssrsrs)

Um grande abraço, e uma boa semana.

Mariposo-L disse...

discordo dessa teoria dos amigos X grande amor ... Afinal amigos são para sempre já o amor ..... nem sempre !

UM abraço

Jeniffer Yara disse...

Ah também me identifiquei com esse post!!!É raro encontrarmos amigos verdadeiros...São oucos os que se importam com você de verdade...
Mas quando encontramos esses amigos verdadeiros não queremos deixá-los ir mais...
Precisamos de Amigos sempre...
Precisamos de Amor sempre...
Ter amigos não tem preço que pague...

Olhos atentos